Olá Motolovers!

Olha a gente aqui novamente com uma dica de como economizar gasolina da sua moto, algo que realmente não poderia faltar aqui no Blog da KM Motos. O conteúdo de hoje irá fazer muito bem a você, sua moto e seu bolso.

Pouco tempo depois de abastecerem, é comum que muitos motociclistas reclamem de que a gasolina “mal deu para o cheiro”. É como se o combustível tivesse virado fumaça antes de passar pelo motor!

Mas não se trata de mau olhado de outro motorista no trânsito, ou praga de “cachorro louco”. Esse gasto excessivo pode indicar, sim, manutenção atrasada ou uso inadequado da moto. Para que o “gás” dure mais, existem alguns macetes importantes.

Pilotos que são pilotos ficam de olho!

1. Pneus calibrados e escapamento adequado à marca e modelo: os pneus devem permanecer com a calibragem indicada no manual (sim, por favor, leia o manual!). Uma medida simples e que chega a poupar até 4% da gasolina. Outro item em desacordo e que pode levar a um gasto maior é o escapamento. A peça original trabalha em conjunto com o silencioso e o catalisador. Moto com ronco muito acima do normal gasta muito mais combustível (além de ser candidata a multas! 😮 ). Por isso é melhor não sair por aí adaptando qualquer escapamento na moto. Uma eventual economia na peça não compensará o desgaste do motor e o gasto extra de gasolina.

2. Esqueçam isso de aquecer o motor antes de sair: entre motociclistas, essa é uma lenda urbana de dar inveja à “loira do banheiro” – ou “da estrada”! Ficar aquecendo o motor antes de partir não vai ajudar em nada. Pelo contrário: queima ainda mais gasolina. Hoje em dia, quase a totalidade das motos possui sistema de injeção direta. Ou seja, o motor é aquecido em movimento, evitando a perda desnecessária de combustível ou a deterioração das peças.

3. Limpeza do filtro de ar: mantenham essa peça em bom estado, pois a moto se alimenta desse “mix” de ar e combustível. Acreditem: as motos “bebem” mais quando sofrem continuamente de “problemas respiratórios”!

4. Não acelerem as motos quando estiverem paradas: essa é uma daquelas manias comuns para muitos motociclistas. Mas enquanto estão parados aguardando o semáforo abrir, eles precisam saber que todo aquele “vruum-vruum” desnecessário só aumenta o consumo de combustível e, de quebra, ainda desgasta o motor a longo prazo.

5. Na medida do possível, mantenham uma velocidade constante: certa regularidade na condução é bem-vinda. Também ajuda manter um bom controle da marcha lenta, trocar marchas na hora certa e não manter a primeira por muito tempo, ou seja, não ficar “ensebando” para engatar a segunda.

6. Mantenham a moto engrenada nas descidas: ficar em “ponto morto” ladeira abaixo consome combustível de maneira desnecessária!

7. Além das dicas acima, atenção também para não ficarem freando ou acelerando bruscamente o tempo todo; não acelerarem demais nas subidas (só aumenta o consumo sem dar um pingo de força extra ao motor!); e manterem o óleo lubrificante em dia e no nível indicado (a lubrificação preserva e aumenta a vida útil das peças).

Enfim, ao seguirem essas orientações – e sem descuidar da manutenção mecânica periódica –, todo motociclista ganhará em economia, satisfeito ao ver sua moto rendendo mais e “bebendo” menos combustível.

Agora é a sua vez de ajudar a economizar mais gasolina!

Tem mais alguma dica para compartilhar, não deixe de expor para nós nos comentários. Quem sabe a gente faz um conteúdo legal para você aqui no Blog.

Abraço,

Time KM Motos Seminovas.